Arquivo da tag: brincadeira

CONTEÚDO DEVE SER AGRADÁVEL Á PLATEIA

Hoje me lembrei-me de atualizar meu Blog. Realmente tenho sido relapso em sua atualização, não porque não o queira atualizar, mas, porquanto muitas situações me afastaram da tela do computador.  Entretanto, hoje resolvi falar algo que tenho ouvido continuamente: “Conteúdo é muito importante.” Mas o que é conteúdo? Tudo o que vem dentro do continente. Grande! Dirá você. Brincadeiras à parte estamos tratando de conteúdo ou o que escrevemos para publicar nos diversos segmentos existentes na WEB.  Mas embora eu ame escrever, me vejo continuamente com um problema. Não é o de ideias para escrever, pois, graças a Deus, sou capaz de escrever até sobre um pingo d´água. Aliás, isto foi tema de uma redação há alguns anos atrás. Mas realmente, escrever para que possa ser lido é algo difícil. Conteúdo tem de ser claro, preciso e conciso. Tem que ser escrito de maneira  agradar a quem o lê. É aí que a “porca torce o rabo”. Como escrever para que alguém se agrade do que escrevo? A exemplo cito o Facebook. Constantemente posto textos sobre os mais variádos temas, especialmente aqueles que são mais polêmicos e momentosos. Mas que vejo?!  Poucas curtidas e um ou dois comentários.  Fico intrigado para saber o porquê disto. Mas, realmente, olhando os demais articulistas que fazem parte do meu face, chego á conclusão que poucos são os que gostam de ler. Aliás, isto me faz recordar um ditado chato que ouvi muito: “O brasileiro não gosta de ler”. Entretanto observo, que, alguns articulistas tem o privilégio de serem mais lidos. Qual seria o segredo? Observando o que escrevem, constato que são textos engraçados, leves e agradáveis, algo que me leva a seguinte conclusão: As pessoas gostam de ler mais o que é hilário do que o que é sério. Fofocas, então é um prato cheio para serem totalmente lidos! Mas, vejo também que, as pessoas preferem ver mais vídeos do que lerem textos longos, mesmo que sejam excelentes. Estamos em época de internet, e ninguém quer perder tempo lendo longos tratado sobre esse ou aquele tema. Assim, concluo que conteúdos de textos devem ser bons, mas se forem curtos, melhor ainda. Ninguém quer perder mais do que dois segundos para ler alguma coisa. Desta maneira, há de se trabalhar com afinco no sentido de produzir-se conteúdo que seja curto ou sintético, claro na sua transmissão de idéias e conciso na forma de escrever, buscando-se, sem sombra de dúvidas, tornar o texto engraçado, pois é o que agrada mais a “plateia”. 

OG OLIVEIRA E SOUZA – Advogado, empresário, teólogo.